A festa de São Jorge: uma observação participante do culto ao santo no subúrbio carioca

A festa de São Jorge: uma observação participante do culto ao santo no subúrbio carioca

Comentários desativados em A festa de São Jorge: uma observação participante do culto ao santo no subúrbio carioca

A proposta deste trabalho tem como objeto de estudo a festa de são Jorge,
realizada no bairro de Quintino Bocaiúva, o rito, o culto e o bem simbólico através
das relações sociais de proximidade que ela produz no espaço físico da Igreja e
suas imediações.

O retrato da moda pelo Impressionismo

O retrato da moda pelo Impressionismo

Comentários desativados em O retrato da moda pelo Impressionismo

O Impressionismo e a Moda estiveram por muito tempo interligados porém sem seu
elo explícito. Gloria Groom, idealizadora e curadora da exposição L’Impressionisme et la
Mode, apresentada primeiramente no museu D’Orsay em Paris, França, foi capaz de ter
essa percepção que hoje considero tão notória e nítida. O presente trabalho de monografia
recapitula a história e contexto do movimento Impressionista, assim como a história da
moda, em seguida, trazendo essa ligação para os dias de hoje, baseia-se na teoria da
economia da cultura, mais precisamente no âmbito da economia criativa e então, posiciona
o tema na atualidade, bucando inspirações da moda no Impressionismo e explicitando a
importância do produtor cultural na inteceção entre movimentos artísticos, que nesse caso
são as artes plásticas e a moda.

Patrocínio Cultural e as alternativas e soluções para o financiamento de novos projetos.

Patrocínio Cultural e as alternativas e soluções para o financiamento de novos projetos.

Comentários desativados em Patrocínio Cultural e as alternativas e soluções para o financiamento de novos projetos.

O presente trabalho pretende analisar através do estudo de caso, o projeto RIO HIP HOP KEMP – festival internacional de dança de rua, em sua primeira edição realizada pela Burburinho Cultural em fevereiro de 2011, o atual cenário do mercado cultural brasileiro e as alternativas de financiamento encontradas para a realização de um projeto sem patrocínio. A pesquisa foi norteada por artigos e publicações de referência no cenário da economia da cultura nacional, de autores como Leonardo Brant e Ana Carla Fonseca Reis, que apontam a tendência do mercado a buscar novas alternativas de financiamento, principalmente a novos e pequenos projetos, saindo do tradicional subsídio público / privado.

O museu como agente de sensibilização e representação sócio-cultural local

O museu como agente de sensibilização e representação sócio-cultural local

Comentários desativados em O museu como agente de sensibilização e representação sócio-cultural local

Trata-se de uma análise acerca do potencial do Museu de Arqueologia de Itaipu/ Museu Sócio Ambiental de Itaipu de sensibilização e representação sócio-cultural local, através de ações voltadas à legitimação das comunidades tradicionais da região. Torna-se possível estruturar as novas perspectivas do MAI/MUSAI dentro dos pilares da Nova Museologia, a partir do desenvolvimento teórico dos conceitos museológicos e da consolidação da conjuntura atual. A formação e consolidação da relação museu-comunidade, bem como as condições históricas que a influenciam diretamente, são apresentadas em fontes documentais e relatos de representantes, tanto do Museu, quanto das comunidades.

PORTO (CRI)ATIVO: um estudo de caso da antiga fábrica Bhering

PORTO (CRI)ATIVO: um estudo de caso da antiga fábrica Bhering

Comentários desativados em PORTO (CRI)ATIVO: um estudo de caso da antiga fábrica Bhering

Utilizando como estudo de caso a antiga fábrica Bhering, localizada na região portuária da cidade do Rio de Janeiro e hoje transformada em espaço de criação e vivência artístico-cultural, esse trabalho se propõe analisar um dos processos de reestruturação urbana advindas de etapas socioeconômicas do século XX: o planejamento estratégico urbano, visto como um plano para promover a ascensão econômica de cidades através da reconfiguração desenvolvida nelas, tendo como base alguns pontos estratégicos. Tal planejamento, em andamento no atual mandato do prefeito Eduardo Paes, na cidade do Rio de Janeiro, concretiza-se, em parte, através do projeto Porto Maravilha, que pretende colocar a região portuária num patamar “global”. Estabelecendo na região uma dinâmica de competitividade e lucratividade para além das reais necessidades, o projeto Porto Maravilha coloca a cultura à disposição das cidades, utilizando, como uma das estratégias de atração de empresas e novos moradores, equipamentos culturais e projetos conectados à Economia Criativa.

CANDOMBLÉ CULTURA VIVA: Impacto político e cultural na formação da sociedade brasileira

CANDOMBLÉ CULTURA VIVA: Impacto político e cultural na formação da sociedade brasileira

Comentários desativados em CANDOMBLÉ CULTURA VIVA: Impacto político e cultural na formação da sociedade brasileira

O presente trabalho tem o objetivo de buscar o entendimento do candomblé para além da religião, ou seja, como uma expressão cultural autentica que colaborou e continua influenciando a formação cultural brasileira. Percebendo que se faz necessário uma aproximação do fazer com o universo acadêmico, o estudo visa proporcionar ás pessoas que possuem algum interesse a respeito do assunto um conhecimento teórico, discutindo temas abordados pelo antropólogo Pierre Fatumbi Verge na década de 1950 e contrapondo com um trabalho de campo no terreiro Ilê àse obá Barú.

Projeto de realização do espetáculo “A Santa Joana dos Matadouros”

Projeto de realização do espetáculo “A Santa Joana dos Matadouros”

Comentários desativados em Projeto de realização do espetáculo “A Santa Joana dos Matadouros”

O presente trabalho apresenta o projeto de realização do espetáculo A Santa Joana dos Matadouros, de Bertolt Brecht, com direção de Marina Vianna. O dossiê que precede o projeto visa fundamentar e discutir a linha de encenação proposta pela diretora, que pretende transcender as paredes do Edifício Teatral tradicional e criar uma nova relação espectador-espetáculo. No projeto de montagem em si são expostas as estratégias para viabilizar a realização de todas as etapas do processo da produção espetáculo.

UM BUMBA-BOI CARIOCA: Memória e Identidade Maranhense em Parada de Lucas

UM BUMBA-BOI CARIOCA: Memória e Identidade Maranhense em Parada de Lucas

Comentários desativados em UM BUMBA-BOI CARIOCA: Memória e Identidade Maranhense em Parada de Lucas

O presente trabalho traz uma análise sobre a memória e a identidade cultural do grupo Associação Folclórica Bumba-meu-boi Brilho de Lucas, formado por migrantes maranhenses residentes no município do Rio de Janeiro desde as décadas de 1970 e 80. O grupo realiza há mais de 25 anos a festa do bumba-boi no bairro de Parada de Lucas, zona norte da cidade, sempre no período junino. A pesquisa irá analisar os seguintes aspectos: os ancoradouros da memória do grupo em relação à terra natal e a constituição de sua memória coletiva, fundamental para a continuidade da festa e do grupo; a manutenção de uma identidade cultural maranhense na cidade do Rio de Janeiro; a articulação do Brilho de Lucas com outros grupos de migrantes realizadores de manifestações da cultura popular maranhense na cidade.

A experiência multicultural e a produção coletiva de identidade

A experiência multicultural e a produção coletiva de identidade

Comentários desativados em A experiência multicultural e a produção coletiva de identidade

O caso aqui mostrado em forma de monografia representa um breve relato sobre a minha experiência profissional a bordo de navios do tipo transatlântico intercambiando passageiros entre países e continentes com o uso de tripulação culturalmente diferenciada que, a despeito dessa diversidade, convive e interage de forma respeitosa e harmônica, sendo responsável pela construção de uma ambiência cultural nova na qual está inserida.

SER-TÃO mulher: caminhos do olhar e outras perspectivas sobre a sertanidade

SER-TÃO mulher: caminhos do olhar e outras perspectivas sobre a sertanidade

Comentários desativados em SER-TÃO mulher: caminhos do olhar e outras perspectivas sobre a sertanidade

O trabalho reflete acerca do entendimento de Sertão, do regional ao existencial, ampliando sua compreensão — colocando-o como espaço-enigma — a fim de discutir suas referências no imaginário social. Ao constatar a dominação de aspectos, personagens e ofícios masculinos em suas principais representações, compreendem-se os motivos que levaram à construção de uma identidade de gênero atrelada à região.