Folia em ordem: uma análise do Carnaval de Rua contemporâneo na cidade do Rio de Janeiro

Folia em ordem: uma análise do Carnaval de Rua contemporâneo na cidade do Rio de Janeiro

Comentários desativados em Folia em ordem: uma análise do Carnaval de Rua contemporâneo na cidade do Rio de Janeiro

Tendo os blocos de carnaval da Zona Sul e Centro do Rio de Janeiro como
objeto, buscamos responder às seguintes questões ao longo dos capítulos: por quê e
como se dá a retomada do carnaval de rua na cidade? Qual é a conjuntura desta
retomada? Quais características os blocos apresentam? Eles incorporam elementos de
uma identidade cultural? Como os blocos se relacionam com a cidade do Rio de
Janeiro? E como a cidade dá conta deste fenômeno cultural?

De Walter Pinto a Claudio Botelho e Charles Möeller: A retomada do teatro de revista no Século XXI

De Walter Pinto a Claudio Botelho e Charles Möeller: A retomada do teatro de revista no Século XXI

Comentários desativados em De Walter Pinto a Claudio Botelho e Charles Möeller: A retomada do teatro de revista no Século XXI

O Teatro de revista foi um gênero teatral que marcou a década com jeito irreverente de tratar os temas cotidianos da sociedade brasileira. Este período foi marcado por grandes diretores, mas o que mais se destacou foi Walter Pinto. Walter Pinto conseguiu inovar a cena teatral da época através de suas “ideias grandiosas”. Este período entrou em decadência e somente depois em meados do século XXI houve uma retomada nesse sentido. Representado pela dupla Claudio Botelho e Charles Möeller essa retomada foi grandiosa e espetacular, exemplificado na montagem chamada Sassaricando – E o Rio inventou a marchinha.