TECNOBREGA: uma análise da música brega Paraense a partir dos anos 1980

Tema:
TECNOBREGA: uma análise da música brega Paraense a partir dos anos 1980.
Autor:
Michela de Oliveira Gonçalves
Orientador:
Prof. Alexandre Hees de Negreiros
Instituição:
UFF
Ano:
2013

 

Resumo

Este trabalho teve como objetivo abordar os aspectos da dita “cultura brega” possivelmente presentes no Tecnobrega, gênero musical surgido na cidade de Belém, Estado do Pará, por volta dos anos 2000, que consiste na fusão da música eletrônica com a tradicional música “brega” produzida nessa região por volta da década de 1980. Este estilo musical criou novas formas de produção e de distribuição, nascendo distante das grandes gravadoras e dos veículos de comunicação de massa, difundindo-se por canais independentes para todo o Brasil, fazendo com que o mercado do Tecnobrega se tornasse uma importante referência para o mundo da produção de bens culturais. Discuto o seu conceito e estrutura, baseando-me em sua trajetória histórica, assim como em seu contexto social e cultural. Para tanto, utilizei parâmetros advindos do campo da própria musicologia mas, também, dos estudos da moda, a fim de delimitar o “brega” como um conceito para que o mesmo pudesse ser utilizado neste estudo. Com esse trabalho, pretendo ampliar as discussões acerca desse tema, que tem despertado cada vez mais a atenção da academia e da mídia.